18/01/2021    370 visualizações

PCMG PRENDE SUSPEITO DE MATAR E OCULTAR O CORPO DA COMPANHEIRA

As investigações realizadas pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) acerca do desaparecimento de uma mulher, de 34 anos, resultaram na prisão do companheiro dela, de 23, nessa quinta-feira (7/1). O corpo da vítima foi localizado parcialmente queimado, no dia 22 de dezembro do último ano, na zona rural de São José da Lapa, Região Metropolitana de Belo Horizonte.

A família da vítima procurou a PCMG no último domingo (3/1) para registrar o desaparecimento. As investigações apontaram envolvimento do companheiro da mulher, pois foi apurado um relacionamento abusivo entre eles.

A delegada Letícia Gamboge explica que eles se conheceram em meados de 2020 e passaram a morar juntos em agosto. “Havia mensagens de aplicativos e áudios em que a ausente relatava esse relacionamento abusivo, que ela (a vítima) havia sido mantida em cárcere privado em momentos distintos, mas que não tinha noticiado isso a autoridades competentes”, conta.

Com as investigações, o suspeito confessou ter executado a vítima com uma faca no dia 21 de dezembro, após terem uma discussão. Segundo o preso, ele teve a intenção de se defender porque a vítima teria tentado atacá-lo. “Ela teve um grande sangramento, e ele tentou estancar esse ferimento, mas não conseguiu. Ela veio a óbito e, no intuito de ocultar a prática do crime, ele envolveu o corpo dela em um colchão e o transportou aleatoriamente até São José da Lapa. Lá, ele deixou o corpo da vítima, ateou fogo e retornou para Belo Horizonte”, detalha Gamboge.


Equipe:
Chefe do DHPP, delegada-geral Letícia Gamboge.
Chefe da DRPD Maria Alice Faria.
Delegado Lucas Coutinho.
Inspetor Elan Alves Martins.
Escrivã Gabriela Barbosa
Investigadores Geraldo Jorge, Guilherme Tadeu, Jean Patrick.

Clique aqui para assistir ao vídeo.
Inscreva-se no nosso canal e ative as notificações para acompanhar as novidades e ser avisado assim que a nossa live começar.



Texto: Flavia Quirino
Revisão: Thanise Reis